Edição limitada

Que bom, acordar numa terça-feira e se dar conta de que você é uma edição limitada, uma peça rara e de que não existe ninguém no mundo igual a você. Sete bilhões de pessoas, já pensou?

Imagem do perfil da Old English Company no Instagram. Eles vendem cartões, quadros, canecas e outros objetos com frases engraçadinhas e de incentivo. Mas nem precisa comprar nada. Só visitar o feed e ler uma mensagem inspiradora e divertida de vez em quando já é bem gostoso.

11 Comentários

Sobrancelhas naturais

Fim de semana, temperatura mais baixa… preguiça. A beleza nesses momentos pra mim é a praticidade. E qual a forma mais prática de terminar uma tarefa? Não fazendo! Daí as sobrancelhas naturais, muito faladas nos desfiles de outono/inverno de 2015.

Pessoalmente, não vejo problema nelas assim. Pelo contrário, gosto de um ar mais natural no rosto, e se o formato original da sobrancelha ajuda, ainda melhor.

sobrancelhas-naturais-blog-vinte-e-tres

Fica a inspiração!

2 Comentários

O Charme dos Vitrais

Eu adoro decoração e considero minha justificativa para isso bastante banal e clichê: considero esse momento de construir o ninho, dando a ele as características que conscientemente ou não nós valorizamos, um ritual exaltação à personalidade. Acho incrível pensar que cada vez que escolhemos uma cor de parede, uma mesa ou o lugar de uma planta estamos colocando na nossa casa um pedacinho da gente de um jeito muito especial. Por isso, apesar de não ter formação na área de decoração e afins,  fico pra mais de hora pesquisando referências sobre o assunto e guardando tudo nos meus painéis no Pinterest.

Eis que, ha algum tempo, um detalhe específico de decoração tem me chamado atenção: os vitrais. É comum associarmos os vitrais à arte sacra católica e isso faz sentido, já que essas obras de arte em vidro que vemos em muitas igrejas até hoje foram popularizadas principalmente por conta das catedrais góticas na Europa Ocidental da Idade Média.

Esses primeiros vitrais, janelas de pedaços de vidro colorido que formavam desenhos de passagens bíblicas ou figuras santas, eram verdadeiras bíblias de luz e cor, que desempenhavam dois principais papéis: atrair fiéis e ensinar a eles a palavra sagrada por meios das ilustrações; e metaforicamente representar uma mediação entre o mundo terreno e o sagrado, um simbolismo da força divina contemplada nos imponentes espectros coloridos projetados quando a luz atravessava os painéis.  (Se quiser saber um pouco mais sobre  a história dos vitrais leia aqui e aqui.)

Com o tempo, a delicada arte dos vitrais migrou também para dentro das casas trazendo outros motivos e padronagens que não os religiosos, mas mantendo a característica de dar personalidade ao ambiente por meio das cores e da luz. Na verdade, quado se trata de vitral doméstico, caso seja encomendado e não herdado junto com a casa, tudo fica bem ao gosto de cada um. Por isso ele é um elemento bem democrático que pode ser incorporado em quase todo tipo de espaço, contando que tenha uma boa luz natural.

Eu, que adoro um charminho e um aconchego, acho que essas peças em vidro cumprem muito bem ambos os papéis. Olha só:

vitrais-banheiro-cores
vitrais-banheiro-simples

No banheiro: meu lugar preferido. Tem pra todo gosto.

vitrais-banheiro-transparente

Mais banheiros, mas com um detalhe: cadê a cor? Ela é elemento importante nos vitrais originais, mas os desenhos também ficam lindos no vidro incolor transparente com diferentes texturas. Olha como casou bonitinho com esse banheiro preto e branco!

vitrais-cozinhas

Na cozinha: mais vidro incolor, delicado e sutil.

vitrais-portas

Embelezando portas.

vitrais-porta-janela

Em outros cantinhos da casa.

Percebem o aconchego? As fotos das montagens são todas do Pinterest e apesar de não ser muito o estilo de casa que temos por aqui no Brasil acho que vale a inspiração =)

 

Nenhum Comentário